›› Episódio: Carrara de um focinho de outro
Lineu (Marco Nanini) chega em casa assustado, contando que foi assaltado e que levaram o seu carro. Nenê (Marieta Severo), carinhosa, faz o possível para acalmá-lo. Emocionado, ele explica os detalhes e enquanto caminham para a cozinha se deparam com Tuco (Lucio Mauro Filho) sentado na sala jogando videogame com dois adolescentes. A cena incomoda Lineu. Ele diz que o filho deveria estar trabalhando como qualquer adulto. Envergonhado, Tuco corre para o salão e encontra Gina (Natália Lage) e Marilda (Andrea Beltrão) falando sobre um comandante bom partido que Gina quer apresentar para a cabeleireira. Gina se derrete em elogios, enumerando as qualidades do rapaz e Tuco fica enciumado. Bebel (Guta Stresser) se intromete na conversa e diz que Gina não sabe escolher, já que está namorando seu irmão.

Bebel se despede, deixando os três na maior saia justa, e vai à pastelaria fazer um lanchinho. Lá encontra Agostinho justificando para Beiçola (Marcos Oliveira) o porquê do aluguel estar atrasado. Bebel se espanta com a conversa e sem perceberem Lineu chega e ouve. Irritado, o fiscal diz que só é lembrado quando as contas estão atrasadas e faz o pagamento, acusando Agostinho de ser um fracassado. Bebel sai chorando e encontra Tuco, que também se queixa do pai. Ele pede para ficar hospedado na casa da irmã.

Quando Agostinho chega em casa Bebel anuncia: “Tinho, eu acho que arrumei a solução pra gente. Eu fiz as contas e descobri que, se você tiver um motorista auxiliar, pra rodar de noite enquanto você está dormindo, a gente vai ter dinheiro pra pagar as nossas contas sem pedir nada pra ninguém”. Ela propõe, então, que os três se unam e sugere: Tuco poderá assumir o trabalho e ajudar o marido.