- Publicidade -

Em agosto de 2000, uma catástrofe marítima assolou a Ásia soviética. O submarino porta-míssil Kursk, arma secreta do projeto 949, estrategicamente criada para a Guerra Fria, afundou nas águas frias do mar Barents matando 118 tripulantes.

- Publicidade -

O filme Projeto 949: A odisseia de um submarino nuclear, que vai ao ar nesta sexta-feira, dia 9 de setembro, às 23h45, na faixa Cultura Documentários, conta momentos da tragédia e resgata arquivos nunca publicados. Entre os entrevistados, a maioria testemunha do fato, estão militares, engenheiros e membros da tripulação da frota de submarinos da qual o Kursk pertencia.

- Publicidade -