bio
Derivada da série de sucesso O Universo, a minissérie O Universo: Mistérios Revelados, que estreia no BIO em 6/7, domingo, às 21h, traz um olhar sobre os mistérios e as crenças por trás de locais sagrados da Terra e das religiões criadas pelo, e que moldaram nosso universo como o conhecemos hoje.

Com sugestões alternativas às crenças do homem comum, a produção levanta questões, desafia aquilo que é tido como aceitável e desfaz mitos, abrindo um novo caminho para entender a história do universo e das estrelas, além das religiões que sempre existem por trás dela.

[creditos:a606ba4c47]
Divulgação / Bio[/creditos:a606ba4c47]

Esta nova minissérie usa o conhecimento de experts e efeitos de computação gráfica de última geração para achar essas respostas e mostrar como o nosso passado é conectado com a história de todo o universo.
Situada em uma planície no sul da Inglaterra há 5000 anos, Stonehenge provavelmente é uma das estruturas mais misteriosas da Terra. A razão de ela ter sido posta exatamente naquele local é um grande enigma. O episódio de estreia de O Universo: Mistérios Revelados explora a possibilidade de que Stonehenge tenha sido um observatório astronômico pré-histórico.

Ali, antigos sacerdotes astrônomos podem ter analisado os movimentos complexos do sol e da lua, reconhecendo padrões que só seriam descobertos, em outros lugares, após milhares de anos. Do mesmo modo, os xamãs primitivos podem ter sido os primeiros astrônomos a prever os eclipses.