bbb O reality show Big Brother Brasil já caminha para sua reta final, mas o que os participantes não sabem é que do lado de fora da casa a TV Globo e a Endemol, proprietária do formato, travam uma batalha histórica e completamente questionável na justiça em favor de um clara censura ao trabalho jornalístico de cobertura do programa.

A emissora conseguiu censurar através de liminar a cobertura jornalística do BBB14 pelos portais UOL e Terra. Segundo a Justiça do Rio de Janeiro, o UOL está impedido de "exploração comercial e utilização indevida de imagens, marcas, textos, elementos e/ou de trechos dos programas BBB, bem como de quaisquer outras marcas e elementos sob a exclusiva titularidade da TV Globo e da Endemol nos portais http://uol.com.br e http://televisao.uol.com.br/bbb ou qualquer outro portal da empresa autora". A multa diária é de 100 mil reais em caso de descumprimento. O UOL já retirou qualquer menção ao programa de seu site. O Terra ainda mantém no ar a cobertura com atualizações ainda ao longo desta terça-feira.

[creditos:2f19a3bcab]
Beijo entre Vanessa e Clara
Reprodução da TV[/creditos:2f19a3bcab]

Muito mais que uma suposta proteção de seu produto, a ação da TV Globo e Endemol revelam uma fragilidade e desgaste sobre o reality show. A atração bateu recordes negativos de audiência neste ano. Alcançando a marca de 10 pontos em edição de domingo com a formação do paredão entre Cássio, Diego e Letícia. O índice mais baixo até então tinha sido 17 pontos na edição de 2013. Vale lembrar que as primeiras edições, no início da década de 2000, batiam facilmente os 40 pontos de audiência.

A crise, no entanto, não está restrita apenas à cobertura jornalística do reality show e à baixa audiência conquistada. Segundo uma fonte ligada ao mercado de TV por assinatura, o alerta vermelho foi ligado também sobre a comercialização do Pay-Per-View (canal que transmite imagens 24 horas ao vivo direto da casa) que tem registrado uma redução considerável no número de assinaturas em 2014. Neste ano, os números estariam bem abaixo do esperado e teriam resultado na abertura do sinal do PPV duas vezes seguidas no meio da edição. Faltando poucas semanas para a final da atração, o PPV ainda é comercializado por quase 160 reais nas principais operadoras.

Outro fato que tem chamado a atenção neste BBB14 é a constante interferência externa nas ações dos jogadores. Na tentativa de alavancar a audiência o apresentador Pedro Bial tem se mostrado mais provocador e tem interferido com maior regularidade em diversos assuntos da casa. Além disto, há alguns dias o programa teve a participação das mães e tias dos brothers que puderam conversar sem qualquer impedimento sobre todo e qualquer assunto. Assim, informações importantes dos jogadores puderam ser reveladas sem qualquer cerimônia.